Sociedade Musical e Recreativa Lapa

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Notícias
Notícias

Confira como foi o carnaval da banda

E-mail Imprimir PDF
A banda Zé Pereira teve um carnaval de muita música e alegria. Foram cinco dias de apresentações que incluíram, além das tradicionais marchinhas de carnaval e sambas, axés, pop e outros ritmos que fizeram os foliões de Florianópolis dançarem muito. Teve shows no Ribeirão da Ilha, em Santo Antônio de Lisboa, na Armação do Pântano do Sul e no Enterro da Tristeza, no Centro.

LAST_UPDATED2
 

Banda da Lapa forma novos alunos e entrega instrumentos

E-mail Imprimir PDF

 

A Sociedade Musical e Recreativa Lapa (Banda da Lapa) convida toda a comunidade para a formatura da turma 2017-2018 de teoria musical – Turma Vitor Hugo Morais de Souza. O evento acontecerá na sede da banda, no sábado (12), às 13h30, seguido de breve apresentação musical. Os 12 formandos receberão seus instrumentos e certificado de conclusão do curso de iniciação.


A escola de música mantida pela Banda da Lapa oferece aulas de música gratuitamente para a comunidade. Durante cerca de seis meses, pessoas de todas as idades estudam teoria musical, para então receber os instrumentos e passar a ter aulas práticas de acordo com o instrumento escolhido. Além de incentivar a aproximação com a música instrumental, o trabalho também visa a manutenção do seu quadro de músicos. Nos últimos 10 anos, a banda capacitou mais de 150 alunos, sendo que alguns passaram a integrá-la como voluntários, tornando possível a continuidade do trabalho de educação musical e preservação de sua história centenária. A instituição também integra a rede de Pontos de Cultura de Santa Catarina.


Nesta temporada o projeto é realizado com o apoio do Estado de Santa Catarina, Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Fundação Catarinense de Cultura, FUNCULTURAL e Edital Elisabete Anderle/2017.


Confira abaixo a lista de novos alunos e respectivos instrumentos:


Eclesiastes Alves - Flauta

Luan Cruz Venancio- Flauta

Juliany de Morais Martins- Flauta

Alessandra Vicenzi Vicati – clarinete

Davi da Silva Padilha- trompete

Daniel Oda Barcelos – trompete

Rafael dos Anjos Melo – trompete

Ivana Tolotti – trompete

José Luiz de Jesus – bombardino

Glauber da Silva Alves- trombone

Raquel de Sá Pereira- trombone

João Vitor Moraes de Souza – percussão

Vitor Hugo Morais de Souza - percussão – In memoriam

 

Vale destacar que na próxima terça-feira (15) a Banda da Lapa participará do projeto Cinema ao Vivo, do Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina, executando a trilha sonora do filme “O Circo”, às 20h.


As inscrições para as novas turmas geralmente acontecem no mês de agosto. Fique atento no nosso site e redes sociais:

https://www.facebook.com/bandadalapa/

https://www.instagram.com/bandadalapa/

 

LAST_UPDATED2
 

Banda da Lapa completa 121 anos

E-mail Imprimir PDF
A Sociedade Musical e Recreativa Lapa – Banda da Lapa – completa 121 anos nesta terça-feira (15). Como parte da comemoração, a banda se apresentará com seu repertório popular domingo (20) na tradicional Festa da Lapa, na Freguesia do Ribeirão da Ilha, às 11h30.

 

“A banda chegou aos seus 121 anos com apoio de seus músicos e de toda a comunidade e necessita da continuidade desse apoio para permanecer em atividade e manter essa tradição musical”, afirma Wellinton Carlos Correa, regente da banda.

São muitas histórias e músicas, entre elas se destaca a junção de música e cinema. Desde 2014 a banda, além de tocar as tradicionais procissões, os cortejos e as apresentações com repertório popular, também faz a trilha sonora do filme o Circo, de Charlie Chaplin, em uma parceria com o Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS-SC). A Banda da Lapa e o cinema se encontraram, após mais de 100 anos.

Outra história é a pausa em 1951. Após uma no sem atividades por falta de apoio, a banda voltou a tocar em 1952, justamente na festa da padroeira do bairro para os católicos, a Nossa Senhora da Lapa.
Fundada em 15 de agosto de 1896, a banda materializou o costume da comunidade de pescadores e pequenos produtores rurais do Ribeirão da Ilha de manter uma banda musical para animar as festividades locais.

 

 

 

 

Clarinetes, flautas, saxofones, trompetes e trombones, bombos e bombardinos embalam a pitoresca comunidade histórica. Desde o início de 2017, a banda passou também a contar com naipe de trompas sinfônicas, o primeiro desde a sua fundação.
A dedicação de seus 30 músicos voluntários mantém a Banda. Esses se dividem nas atividades administrativas e musicais e também ensinam a arte da música para a comunidade. É assim que a Banda existe há gerações, passando o que se sabe aos futuros músicos, que mais tarde passarão adiante o que aprenderam.
“A banda por si só já é uma simpatia. São músicos são jovens junto dos representantes da “velha guarda”. A banda é um marco histórico do Ribeirão da Ilha e representa o bairro por onde passa, de forma que sempre cativa a amizade de todo mundo. E é isso que a gente quer”, detalha José Carlos Correa, presidente da Sociedade Musical e Recreativa Lapa.
Entre os representantes da “velha guarda” mencionados pelo presidente estão seu Arnoldo Feliciano, com mais de 40 anos de banda e amante do carnaval e do tradicional Zé Pereira. Outro o saxofonista e professor de música Alécio Heidenreich, com 65 anos de dedicação à banda.
“Vamos seguir o exemplo de nossos bisavós, avós e pais, que não mediram esforços para ter sua banda. Somente com a participação de todos é que poderemos continuar trazendo alegria às crianças, aos jovens, aos idosos, enfim, a todos os que apreciam a bela arte da música”, diz seu Alécio.
LAST_UPDATED2
 


JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL
Nossos Parceiros

Agenda & Eventos